Feliz dia do sexo!

Feliz dia do “Não Para!”!

xoxo,

Miss Lily

Uncategorized

Feliz dia do sexo!

Imagem

Boa noite

É o que eu, Miss Lily, a Stoya e a Sasha desejamos 😉

Uncategorized

Boa noite

Imagem

Diferença de orgasmos

(via @9gag)

Uncategorized

Diferença de orgasmos

Imagem
Uncategorized

Não é abuso… é só piada!

Tem certas coisas que lemos e ouvimos que, as vezes, nos faz ter vontade de sermos cegos e surdos. Na semana passada, quem é aficcionado nas redes sociais, viu o vexame publicitário que a marca de camisinhas Prudence cometeu, ao postar a nem tão famosa “Dieta do Sexo”. Entre os vários itens, como “colocando a camisinha sem ereção” e “69 em pé”, a tabela mostra também as opções “tirando a roupa sem o consentimento dela” e “abrir o sutiã com uma mão, apanhando dela”.

A tentativa foi de fazer piada? foi. A piada foi boa? não, não foi.

Logo recaíram as críticas em torno da publicidade, que foi um tiro no pâncreas que saiu pela culatra, considerada como apologia ao abuso sexual. Várias pessoas até mesmo clamaram pelo boicote à empresa e esperavam a retratação devida da mesma.

O problema, como de costume, vem a seguir. Muitos foram os que defenderam a empresa, dizendo que os atingidos deveriam se preocupar com assuntos mais importantes. Usuários do facebook espernearam para que deixassem a Prudence em paz, pois era somente uma piada; outros diziam que as pessoas deveriam se preocupar com questões mais sérias que iam desde a política brasileira até tomar uma cervejinha com os amigos (quando li isso meu intestino doeu gravemente).

Uma das questões é a seguinte: porque, ao me preocupar com um assunto, fico restrito somente a ele, não podendo pensar, questionar ou tentar resolver outros tantos? um problema anula o outro? eu mesmo me preocupo desde a política até a cerveja no boteco, passando também pela questão da desmoralização étnica, racial e, claro, sexual.

Sim, a “piada” é de humor negro. E humor negro atinge sempre alguma pessoa, classe, gênero… por que fazê-lo então? Muitos falam “ah, é só uma piadinha”. Mas até mesmo nosso quadro político é cheio de suas “piadinhas”, e nem preciso falar como estamos nessa questão né?

Piadas como essa “caramelizam” os reais problemas

Muitos criticaram o humorista Rafael Bastos, sobre o episódio da piada com a cantora Wanessa Camargo. Seria por defesa da moral, do respeito pela mulher? ou será que era somente, e tão somente, pelo fato de ela ser uma pessoa da mídia, vista pelo Brasil inteiro e bem recebida? paremos de demagogias vá!

As piadas, feitas dessa forma, só servem para abafar problemas, como se fosse uma compressa acima de uma ferida: não resolve, só amacia um pouco as coisas. Enquanto continuarmos fazendo piadinhas sobre estupro, sobre etnias, sobre religião, política e afins, só iremos conseguir abafar os problemas que existem em tais situações ou setores.

Enquanto o brasileiro não encarar os assuntos com seriedade, não poderemos, nunca, ser vistos como uma nação séria, confiável e respeitosa. Preciso dizer onde isso tudo está levando? acho que não…

*Lembrando que a autoria da tal “Dieta do Sexo” não cabe à Prudence. No entanto, a partir do momento em que seu logotipo está vinculado ao devido texto, esse passa a estar ligado à ela. Fazendo isso, a marca demonstra apoio ao conteúdo, mesmo que ele não tenha sido de sua a autoria.

Padrão